Brasil Game Show é seguro? 

O Viagem Massa está na maior feira de Games da América Latina. Não espere de nós resenhas sobre jogos ou novos lançamentos. (vocês vão encontrar muitos em sites e blogs especializados. Eu não entendo muito sobre o assunto. Sorry).

Este post vai para as mães e responsáveis pelos milhares de jovens e crianças que todos os anos sonham em participar do evento. Vai para as mães dos amigos do meu filho que sempre pedem informações. Vai para os pais que precisam saber se o evento é bem organizado, se o filho pode ir sozinho ou é preciso acompanhar. Vai para as avós que vão dar um dinheirinho pro neto comprar produtos na feira “desde que seja um lugar legal e seguro”. 😏

Os jovens (de todas as idades), apaixonados por jogos,  já sabem o quanto o Brasil Game Show é incrível. Os adultos que precisam ser convencidos podem ler esse texto. 

Como mãe de adolescente que adora game, eu digo: a BGS é o paraíso pra eles. Quem tiver a chance de participar, não deve perder. Tem jogos de todos os tipos, alguns que nem chegaram ao mercado ainda; Youtubers famosos (que eu não sei quem são, mas eles adoram); campeonatos; o que há de mais moderno em equipamentos… Enfim, é realmente muito legal. 

“Mas… é seguro, Elaine?”  Na minha opinião, é sim. O evento é muito bem organizado. Menores de 16 anos desacompanhados só entram com autorização (autenticada) do responsável. Há pessoas do staff pra todo lado; tem lugar para alimentação; tem banheiro limpinho… Não falta nada. Ou melhor, faltou só tomada pra carregar celular neste ano (fica a dica). 

E o melhor: o povo é muito tranquilo. Os participantes querem mesmo é jogar, conhecer as novidades,  aproveitar as coisas da feira…achei a diversão “muito sadia”,  como diria a minha mãe. 

Dá pra deixar desacompanhado? Bom, cada um conhece o filho que tem, né? No interior da BGS não vi perigo. Se ele já tem uns 13, 14 anos e você  acredita que ele não vai sair da feira…acho que tá tranquilo. 

“E se eu quiser acompanhar”? Também pode. Tem muito responsável que vai. Mas, a não ser que seja bem pequenininho, minha dica é marcar um ponto de encontro e deixar o filho/enteado/neto/afilhado (…) rodar sozinho. Ah, pode colocar um A no final das palavras anteriores, pois as meninas também marcam presença na feira e dão um show nos games! 

“Quanto eu devo levar em dinheiro?”  Aí é relativo. É preciso dizer que o ingresso não é dos mais baratos (ver site oficial no link ali em cima). Na feira tem muita coisa pra comprar, de picolé a computadores. E dá pra comprar nada também, sem problemas. 

Neste ano, o Viagem Massa participa da BGS de duas formas: a mãe está como  imprensa convidada. O Gabriel, o filho de 15 anos, estava com o ingresso Premium comprado desde Abril. Ele dá direito a entrada no dia exclusivo para imprensa e convidados VIP e em todos os outros dias do evento. 

Vale a pena comprar o VIP? Se a pessoa for realmente louca pelo universo dos games, vale.  Jogar e participar de tudo no dia exclusivo, sem ter que enfrentar as filas, é uma sensação maravilhosa. Nos dias normais, a movimentação  é BEM intensa.  Para esta edição de 2017, os ingressos de sábado esgotaram com antecedência. 

Brasil Game Show

11 a 15/ 10/ 2017 – Expo Center Norte São Paulo

Oba! Comentários são uma alegria!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s